FAQ

Eu preciso entender de Microsoft Access para utilizar um sistema desenvolvido nele?

Você não precisa entender de Microsoft Access para operar um sistema desenvolvido por nós nesta plataforma. Utilizamos o Microsoft Access como uma ferramenta profissional para o desenvolvimento de sistemas e automação de processos. Criamos telas intuitivas que serão utilizadas pelos usuários sendo necessário apenas o conhecimento básico do uso normal do computador, ou seja, abertura de programas e navegação na interface gráfica do windows.

Eu preciso comprar o Microsoft Access para poder ter um sistema feito em Access?

Não é necessário ter uma licença de Microsoft Access para operar um sistema feito nesta plataforma. Podemos baixar e instalar gratuitamente o que a Microsoft chama de Access Runtime. Com o Microsoft Access Runtime você pode abrir e utilizar qualquer sistema feito no Microsoft Access. A única coisa que você não poderá fazer sera alterar a estrutura do programa desenvolvido. Com isto tem-se, inclusive, mais segurança neste tipo de sistema.

O Microsoft Access tem limites?

Sim, pois se não tivesse limites seria um concorrente direto ao próprio Microsoft SQL Server. O Microsoft Access é uma ferramenta extremamente flexível e poderosa que trabalha com os mesmos conceitos dos grandes sistemas de gerenciamento de banco de dados, porém apresenta dois limitantes principais: Um arquivo do Microsoft Access pode ter no máximo 2GB de tamanho e a segurança dos dados contidos nele depende da segurança oferecida pelo sistema de gerenciamento de arquivos da sua rede ou do seu computador. O importante a salientar é que, mesmo com estes limitantes, conseguimos utilizá-lo com sucesso para atender complexos e estensos processos de gerenciamento e automação. Quando estes limites são alcançados, podemos facilmente migrar o Banco de Dados do Microsoft Access para o Microsoft SQL Server sem ter que refazer os formulários e relatórios desenvolvidos.

Onde o Microsoft Access poderia me ajudar?

O Microsoft Access oferece muitas vantagens para a organização e gestão da informação.

Algumas das razões mais comuns para se utilizar o Microsoft Access incluem:

A centralização de dados espalhados por várias planilhas do Excel ou pastas de trabalho, ou outros tipos de arquivo;

A criação de formulários personalizados de entrada de dados com pesquisas e validações;

A utilização simultânea por múltiplos usuários para inclusão, edição e consulta de dados;

A automação de processamentos e cruzamentos entre diversas fontes de informação com altíssimo nível de confiabilidade e reprodutividade;

A criação de relatórios personalizados e padronizados que podem ser enviados por email, impressos, exportados para o Excel, exportados para o Microsoft Word, vinculados a uma lista do SharePoint, ou transmitido em outros formatos para a Integração com outros sistemas corporativos.

Que tipos de aplicativos posso criar com o Microsoft Access?

Não há realmente nenhum limite para os tipos de aplicativos que podem ser construídos com o Microsoft Access.
O Microsoft Access pode ser usado para projetar poderosas aplicações multiusuário que podem impulsionar com extraordinária eficiência o seu negócio.
Você tem uma idéia para uma aplicação em Microsoft Access? Por favor, não hesite em contactar-nos.

Quantas pessoas podem abrir e usar um banco de dados do Microsoft Access ao mesmo tempo?

O Microsoft Access é um aplicativo multiusuário e suporta vários usuários trabalhando simultaneamente com o mesmo banco de dados. O mesmo arquivo pode ser compartilhado por vários usuários dando-lhes acesso aos formulários e relatórios. Esta é uma das grandes vantagens do Microsoft Access contra aplicações de um único usuário. Ao colocar o banco de dados Access em uma unidade de compartilhamento de rede, várias usuários podem consultar, incluir ou alterar seus dados.  Para o Access 2010, o número máximo de usuários simultâneos é limitado a 255.